unnamed
4

Gays podem ser misóginos

Na semana passada, eu me deparei com esse vídeo aqui:

Um dia muito triste para o mundo ver gays sendo tão lesbofóbicos, né? Frases como:

  • “ai a cara dela vai ficar cheirando bacalhau”,
  • “que sinistro!”
  • “acho que não tem muito o que fazer por ali, né? só dedo, linguação, peitinho”
  • “que nooojoooooo”
  • “parece que tá faltando alguma coisa”
  • “isso é muito bizarro”
  • “acho que isso aí não é muito sexo”

Aí as minas resolveram reclamar muito nos comentários,  e o dono do canal respondeu assim:

16984_867770063304662_7834220177790665713_n

Vale também citar aqui uma posição bacana sobre o assunto que foi a da Lorelay Fox (que é uma maravilhosa). Ela, que é uma dragqueen, foi a única no vídeo que fala que a impressão que ela tem que falta algo é só dela e que claro que não falta nada.

lorelay

E aí hoje eu me deparei com esse vídeo aqui:

Notaram a diferença? Não interessa se o objetivo do canal é ser engraçado.

Não é porque você é gay e participa dessa minoria que você tem passe livre pra falar de mulher. PELO CONTRÁRIO, quando você participa de uma minoria você deveria se esforçar diariamente pra reconhecer os problemas sociais que vão além de você e onde cabe a sua fala e onde cabe a sua desconstrução.

Então fica aí uma mensagem para os gays que acham que podem sair por aí falando mal de boceta, falando que falta algo no sexo lésbico:

unnamed

Edit: olha que legal, o Eduardo percebeu que tava feio e parou, e ainda fez um vídeo falando sobre a própria desconstrução.

Edit 2: infelizmente o dono do vlog ainda se mantém firmemente na posição de “gente que fala merda”.

11910990_10201050503382145_1579378428_n

Comments

comments

4 thoughts on “Gays podem ser misóginos

  1. Vi sobre isso no face, e fiquei super chateada! Como oprimidos tem coragem de oprimir?
    Infelizmente no meio gay é assim mesmo, falam com orgulho do nojo que sentem de vagina! Com o feminismo tenho notado uma mudança para melhor, mas mesmo assim alguns continuam a espalhar merda por aí.

  2. Acompanho o Canal das Bee e bastante gente do meio LGBT, fico muito feliz de ver a revolta que esse vídeo está causando. Não é a primeira vez que o dono desse canal se acha melhor do que os outros, fica mais feio ainda quando praticamente desenham para ele onde está errado e mesmo assim o infeliz continua com a cabeça fechada.

  3. O que tem de gay misógino não tá mesmo escrito… parecem que sentem uma espécie de necessidade de afirmar a homossexualidade (?) desqualificando mulheres, sejam heteros ou não. Começa no simples “ai que nojo (de boceta)” até chegar esses ridículos “vai ficar com a cara cheirando a bacalhau/tá faltando alguma coisa nesse sexo”. Essa justificativa de que há diferença entre ser lesbofóbico/misógino e “não gostar de xereca” não me desce.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>